skip to Main Content
Proatividade No Trabalho

Proatividade no Trabalho

Que tal ouvir o artigo? Experimente dar o play abaixo ou fazer o download para ouvir offline!

Diariamente percebo em nossos clientes uma busca incessante por pessoas proativas. Todos os perfis de vagas que nos chegam tem a mesma exigência: PROATIVIDADE. Do outro lado, quase todos os currículos que recebemos tem a mesma informação quando o candidato vai descrever suas características pessoais: PROATIVO.

Acontece que a maioria das pessoas não tem uma clara noção do que é proatividade e acaba buscando (ou dizendo que é) algo que não é necessariamente determinante para o sucesso do profissional na empresa. Vejamos a definição de proativo:

PROATIVO – Que se antecipa a futuras mudanças ou problemas; antecipatório (Dicionário Michaelis)

O que chama a atenção das empresas no proativo é antecipação, é aquela pessoa que resolve o problema antes que ele se torne uma urgência, que percebe uma oportunidade de melhoria na empresa e trabalha nela para aumentar os resultados. É o vendedor que busca novos canais de vendas quando vê que os atuais não estão surtindo efeitos suficientes.

Minha pergunta para você que está lendo esse artigo é: VOCÊ REALMENTE PRECISA DE PESSOAS ASSIM?

Lideranças centralizadoras não lidam bem com pessoas proativas, já que o proativo “atira primeiro e pergunta depois”. Ao ser corrigido por que deveria ter solicitado uma autorização, provavelmente vai argumentar que viu a oportunidade ou a necessidade e agiu, que não tinha esse tempo hábil.

Ao mesmo tempo, os proativos precisam ser monitorados constantemente, pois tem uma tendência natural a “fazer do seu jeito”. Quando erram, ou passam por cima de procedimentos precisam ser corrigidos para suas próximas ações não prejudicarem a empresa.

Parece que estou tentando fazer você desistir dos proativos não é? Mas essa não é a minha intenção, o que estou querendo é trazer clareza para que você possa avaliar se o profissional que você busca para determinada função precisa mesmo ser proativo e não trazer frustração a você e a ele.

Pessoas proativas precisam ser bem treinadas e capacitadas para tomarem a melhor decisão rapidamente, ou pelo menos, sem supervisão por perto. Toda empresa precisa de pessoas proativas em posições estratégicas, para que a liderança possa desenvolver seu trabalho de levar a empresa a níveis mais altos sem se prender a decisões menores do dia a dia.

Espero ter ajudado você a definir melhor esse comportamento e alinhar os resultados que você espera da sua equipe ao perfil dos colaboradores.

 

leonardo

Leonardo Pitzer
CEO do Grupo Kriativa

Empreendedor, administrador, consultor empresarial e sócio-diretor do Grupo Kriativa Recursos Humanos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top